“Como foi hoje?”

Enganada pela deepilação